As 20 Expressões Populares Mais Inusitadas e Seus Significados

Compartilhe esse conteúdo!

Você já ouviu falar em “pôr as barbas de molho” ou “ficar a ver navios”? Essas são apenas algumas das expressões populares mais inusitadas que existem na língua portuguesa. Mas você sabe o que elas significam? Nesse artigo, vamos explorar as origens e os significados dessas expressões, além de descobrir outras ainda mais curiosas. Prepare-se para se divertir e aprender com esse guia completo das expressões populares mais inusitadas! Quem nunca se perguntou de onde vem o famoso “santo de casa não faz milagre”? Ou qual é a relação entre “comer o pão que o diabo amassou” e uma situação difícil? Não perca tempo e venha descobrir!
pessoa confusa dicionario

Notas Rápidas

  • Deu a louca: quando alguém age de forma inesperada ou fora do comum.
  • Mão na roda: algo que ajuda muito em uma situação.
  • Deu zebra: quando algo dá errado ou não sai como o esperado.
  • Puxar a brasa para a sua sardinha: quando alguém tenta se beneficiar de uma situação ou tirar proveito dela.
  • Chutar o balde: quando alguém desiste ou abandona algo de forma repentina.
  • Deu tilt: quando algo falha ou para de funcionar de repente.
  • Queimar a largada: quando alguém começa algo antes da hora ou sem permissão.
  • Cair de paraquedas: quando alguém aparece em uma situação sem saber nada sobre ela.
  • Deu bode: quando algo não agrada ou não é bem aceito pelas pessoas.
  • Chover no molhado: quando alguém repete algo que já foi dito ou que é óbvio.
  • Deu mole: quando alguém comete um erro ou falha por descuido.
  • Enfiar o pé na jaca: quando alguém exagera em algo, geralmente bebida ou comida.
  • Pedir arrego: quando alguém desiste ou pede ajuda em uma situação difícil.
  • Levar um bolo: quando alguém é enganado ou fica esperando por algo que não acontece.
  • Deu uma de João sem braço: quando alguém finge não saber ou não ter responsabilidade sobre algo.
  • Comer o pão que o diabo amassou: quando alguém passa por uma situação difícil ou sofrida.
  • Deu uma de doido: quando alguém age de forma estranha ou fora do comum.
  • Chorar as pitangas: quando alguém reclama ou lamenta muito sobre algo.
  • Pedra no sapato: quando algo ou alguém atrapalha ou impede o progresso de algo.
  • Deu uma banana: quando alguém ignora ou menospreza outra pessoa.
Veja:  FDS: Descubra o Significado e Origem da Expressão

livro expressoes objetos coloridos

As 20 Expressões Populares Mais Inusitadas e Seus Significados

As expressões populares são um reflexo da cultura e do modo de vida de um povo. Elas são usadas no dia a dia para expressar ideias, sentimentos e situações de forma rápida e concisa. Algumas dessas expressões, no entanto, podem parecer inusitadas ou até mesmo engraçadas para quem não está acostumado com elas. Neste artigo, vamos explorar as 20 expressões populares mais inusitadas e seus significados.

1. “Pôr o carro na frente dos bois”

Essa expressão é usada para indicar que alguém está fazendo as coisas na ordem errada. É como se a pessoa estivesse colocando o carro na frente dos bois, ou seja, fazendo algo que deveria ser feito depois de outra coisa.

Exemplo: “Não adianta querer comprar uma casa antes de ter um emprego estável. Você está colocando o carro na frente dos bois.”

2. “Cair de paraquedas”

Essa expressão é usada para indicar que alguém chegou em uma situação sem estar preparado ou informado sobre ela. É como se a pessoa tivesse caído de paraquedas, sem saber onde estava indo.

Exemplo: “O novo funcionário chegou na reunião sem saber do que se tratava. Ele caiu de paraquedas.”

3. “Lavar a égua”

Essa expressão é usada para indicar que alguém gastou muito dinheiro em algo. É como se a pessoa tivesse lavado a égua, ou seja, gastado tanto dinheiro que precisou lavar o animal para recuperá-lo.

Exemplo: “Eu lavei a égua naquela viagem para o exterior. Gastei muito mais do que deveria.”

4. “Chutar o balde”

Essa expressão é usada para indicar que alguém desistiu de algo de forma drástica. É como se a pessoa tivesse chutado o balde, ou seja, abandonado tudo.

Exemplo: “Depois de tanto estresse no trabalho, ele acabou chutando o balde e pedindo demissão.”

5. “Ficar com a pulga atrás da orelha”

Essa expressão é usada para indicar que alguém está desconfiado ou curioso com algo. É como se a pessoa tivesse uma pulga atrás da orelha, incomodando-a.

Exemplo: “Eu fiquei com a pulga atrás da orelha quando ele disse que não poderia comparecer à reunião.”

6. “Elevar aos céus”

Essa expressão é usada para indicar que alguém está elogiando muito uma pessoa ou coisa. É como se a pessoa estivesse elevando-a aos céus, colocando-a em um pedestal.

Exemplo: “O chefe elogiou tanto o trabalho dela que acabou elevando-a aos céus.”

7. “Colocar as mãos no fogo”

Essa expressão é usada para indicar que alguém tem muita confiança em outra pessoa ou em uma situação. É como se a pessoa estivesse disposta a colocar as mãos no fogo, garantindo que tudo vai dar certo.

Exemplo: “Eu coloco as minhas mãos no fogo pelo meu melhor amigo. Ele nunca me decepcionou.”

Essas são apenas algumas das expressões populares mais inusitadas e seus significados. É interessante notar como essas expressões podem ser diferentes em cada região do país, mas ainda assim são uma parte importante da cultura brasileira.
ilustracao idiomas bolsa

MitoVerdade
1. “Chutar o balde”Desistir de algo ou agir impulsivamente.
2. “Pagar o pato”Assumir a culpa ou as consequências por algo que não fez.
3. “Quebrar o galho”Ajudar alguém em uma situação difícil ou resolver um problema temporariamente.
4. “Meter o bedelho”Interferir em algo que não é da sua conta.
5. “Ficar a ver navios”Ficar esperando por algo que não vai acontecer ou ficar desapontado.
6. “Dar com os burros n’água”Ter um plano ou uma ideia que não funcionou.
7. “Ficar de bico calado”Ficar em silêncio ou não falar sobre algo que sabe.
8. “Estar com a pulga atrás da orelha”Desconfiar de algo ou alguém.
9. “Fazer uma vaquinha”Arrecadar dinheiro entre um grupo de pessoas para um objetivo comum.
10. “Passar a perna”Enganar ou trapacear alguém.
11. “Chover no molhado”Falar algo que já é óbvio ou que já foi dito antes.
12. “Fazer vista grossa”Ignorar algo que está acontecendo ou fingir que não viu.
13. “Pôr a mão na massa”Trabalhar duro ou colocar em prática uma ideia.
14. “Fazer tempestade em copo d’água”Exagerar ou se preocupar demais com algo sem importância.
15. “Dar o braço a torcer”Reconhecer que estava errado ou ceder em uma discussão.
16. “Fazer uma cama de gato”Criar uma situação complicada ou confusa.
17. “Ficar a ver navios”Ficar esperando por algo que não vai acontecer ou ficar desapontado.
18. “Ficar a ver navios”Ficar esperando por algo que não vai acontecer ou ficar desapontado.
19. “Ficar a ver navios”Ficar esperando por algo que não vai acontecer ou ficar desapontado.
20. “Ficar a ver navios”Ficar esperando por algo que não vai acontecer ou ficar desapontado.
Veja:  Peculiaridades: Descubra seus Significados

Você Sabia?

  • “Quebrar o galho”: resolver um problema de forma improvisada;
  • “Ficar a ver navios”: ficar decepcionado ou frustrado;
  • “Pagar o pato”: assumir a culpa pelos erros dos outros;
  • “Chutar o balde”: desistir ou abandonar algo;
  • “Dar com os burros n’água”: fracassar em uma tentativa;
  • “Cair de paraquedas”: chegar em algum lugar sem ser convidado ou preparado;
  • “Fazer uma vaquinha”: arrecadar dinheiro entre amigos para uma causa comum;
  • “Fazer uma tempestade em copo d’água”: exagerar em uma situação pequena ou irrelevante;
  • “Matar a cobra e mostrar o pau”: provar que algo foi feito corretamente;
  • “Passar a mão na cabeça”: perdoar ou relevar um erro de alguém;
  • “Pôr a mão na massa”: trabalhar duro em algo;
  • “Queimar a largada”: começar algo antes da hora ou sem estar preparado;
  • “Soltar a franga”: se soltar e se divertir sem medo do julgamento dos outros;
  • “Tirar o cavalinho da chuva”: desistir de algo que não vai acontecer;
  • “Virar a mesa”: mudar completamente uma situação de forma inesperada;
  • “Chorar as pitangas”: reclamar muito sobre algo;
  • “Comer o pão que o diabo amassou”: passar por muitas dificuldades;
  • “Fazer uma cama de gato”: criar uma situação confusa ou complicada;
  • “Matar cachorro a grito”: fazer barulho para chamar atenção;
  • “Passar o rodo”: ficar com várias pessoas em uma mesma noite.

livro expressoes confusao quadrinhos

Dicionário de Bolso


1. “Deu zebra”: algo deu errado ou não saiu como o esperado.
2. “Deu branco”: esquecer completamente o que se ia dizer ou fazer.
3. “Pé na jaca”: exagerar na bebida ou na comida.
4. “Caiu como uma luva”: algo que se encaixou perfeitamente.
5. “Ficar de bobeira”: ficar sem fazer nada, sem ocupação.
6. “Pagar o pato”: assumir a culpa ou as consequências por algo que não fez.
7. “Fazer vista grossa”: ignorar algo que está acontecendo ou fingir que não vê.
8. “Dar uma canja”: mostrar habilidade em algo, dar uma demonstração de talento.
9. “Chutar o balde”: desistir de algo, abandonar uma situação.
10. “Fazer uma vaquinha”: juntar dinheiro em grupo para comprar algo ou ajudar alguém.
11. “Cair do cavalo”: ter uma decepção, perceber que algo não é como imaginava.
12. “Queimar a língua”: falar algo que não deveria, se arrepender do que disse.
13. “Ficar na mão”: depender de alguém e não ter essa pessoa disponível ou presente.
14. “Morder a língua”: evitar falar algo que poderia causar problemas ou conflitos.
15. “Fazer hora extra”: trabalhar além do horário normal, fazer mais do que é esperado.
16. “Quebrar um galho”: ajudar em uma situação difícil, resolver um problema temporariamente.
17. “Puxar a sardinha para o seu lado”: defender seus próprios interesses, favorecer a si mesmo.
18. “Ficar a ver navios”: esperar algo que não acontece, ficar desapontado.
19. “Ficar na bronca”: ficar chateado ou irritado com alguém.
20. “Ficar no vácuo”: ser ignorado ou deixado de lado em uma conversa ou situação.
chuva gatos cachorros expressoes literais
Veja:  Desvendando o Significado de Unfollow: Entenda o que é e como usar

1. “Chutar o balde” – O que significa?

Chutar o balde é uma expressão que significa desistir de algo ou perder a paciência com uma situação.

2. “Ficar de bico calado” – O que significa?

Ficar de bico calado é uma expressão que significa ficar quieto, sem falar nada.

3. “Pagar o pato” – O que significa?

Pagar o pato é uma expressão que significa ser culpado por algo que não fez.

4. “Chover no molhado” – O que significa?

Chover no molhado é uma expressão que significa repetir algo já dito anteriormente, sem acrescentar nada novo.

5. “Dar com os burros n’água” – O que significa?

Dar com os burros n’água é uma expressão que significa fracassar em algo, não conseguir alcançar um objetivo.

6. “Fazer uma vaquinha” – O que significa?

Fazer uma vaquinha é uma expressão que significa juntar dinheiro entre amigos para comprar algo em conjunto.

7. “Ficar a ver navios” – O que significa?

Ficar a ver navios é uma expressão que significa esperar por algo que não vai acontecer.

8. “Meter o bedelho” – O que significa?

Meter o bedelho é uma expressão que significa se intrometer em algo que não é da sua conta.

9. “Pôr a mão na massa” – O que significa?

Pôr a mão na massa é uma expressão que significa começar a trabalhar, colocar em prática uma ideia.

10. “Queimar o filme” – O que significa?

Queimar o filme é uma expressão que significa prejudicar a própria imagem ou reputação por causa de alguma atitude errada.

11. “Sair de fininho” – O que significa?

Sair de fininho é uma expressão que significa sair de um lugar sem ser percebido ou sem chamar atenção.

12. “Ter sangue nos olhos” – O que significa?

Ter sangue nos olhos é uma expressão que significa estar determinado e focado em alcançar um objetivo.

13. “Tirar o cavalinho da chuva” – O que significa?

Tirar o cavalinho da chuva é uma expressão que significa desistir de algo, pois não vai acontecer.

14. “Virar a mesa” – O que significa?

Virar a mesa é uma expressão que significa mudar completamente uma situação, geralmente para melhor.

15. “Zerar a vida” – O que significa?

Zerar a vida é uma expressão que significa ter sucesso em todas as áreas da vida, como trabalho, relacionamentos e saúde.

expressoes idiomaticas jar speech bubbles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima